Home / DESTAQUE / Nossa tragédia é que os velhos coronéis deram um jeito de estar presentes

Nossa tragédia é que os velhos coronéis deram um jeito de estar presentes

fotormiseriafome

Os velhos coronéis conseguiram forçar a manutenção do seu estilo, da sua prática de relação política, baseada no clientelismo, no paternalismo e no fisiologismo. Quem acompanha a vida política brasileira compreende essa lógica. É por conta dela que se troca uma burocracia estatal sólida e estável por milhares de cargos comissionados de indicação política. É por conta dela que se deixa de lado a discussão de uma política orçamentária mais nacional, mais baseada no atendimento das grandes prioridades para reservar dinheiro para o atendimento de emendas. Para salvar o cargo, Michel Temer liberou quase R$ 1 bilhão. São previstos R$ 6,3 bilhões do Orçamento público para as emendas parlamentares. A liberação teve um objetivo: cooptar 342 votos na Câmara dos deputados para barrar denúncia da Procuradoria-Geral da República (PGR) contra Temer, impedindo que ela sequer chegue ao Supremo Tribunal Federal (STF). Os parlamentares agem como se fossem os donos da verba orçamentária destinada aos seus municípios. O governo age como se fosse legítimo o parlamentar trocar apoio político pela aprovação de emendas. Trocando em miúdos: as nossas diferenças sociais não são resolvidas e a elite política continua a exercer seu poder junto às massas menos favorecidas para que elas fiquem sempre dependentes e agradecidas.

Imprimir

About Jefferson Rian

Check Also

O que é e o que significa o TAU?

Qual é a origem da cruz tão amada por São Francisco de Assis? Você já …